Pará

Thumb

O Estado do Pará ocupa 26% de toda Amazônia Legal, é atravessado de oeste a leste pelo rio Amazonas, que desemboca no oceano Atlântico, no nordeste do estado. Está localizadada no território do Pará a maior hidrelétrica essencialmente brasileira, a hidrelétrica de Tucuruí.

O clima na região é quente e úmido. As três bacias hidrográficas presentes no estado formam uma rede hidrográfica de mais de 20 mil Km.

O Estado apresenta ambientes naturais diversificados, ricas expressões culturais e folclóricas e artesanato com origem na cultura indígena.

A população do Pará é constituída principalmente por caboclos, resultantes da mestiçagem de índios e europeus.

O Pará reúne a modernidade dos grandes estados brasileiros e o privilégio de estar incrustado na região mais bela do Planeta, a Amazônia. Por isso, em território paraense, além do contato com infra-estrutura necessária para belos passeios, também é possível conhecer a cultura dos índios amazônicos.

Belém, capital do Pará, concentra praticamente toda a atividade industrial do estado, importantes produtos industriais, quanto ao valor de produção, como os tecidos de juta, a madeira serrada (ou desdobrada), o cimento e vários tipos de bebidas.

A navegação fluvial é o principal meio de transporte, sendo o porto de Belém um dos mais importantes da região amazônica.

No Estado não existem ferrovias e na rede rodoviária, sobressaem a Belém-Brasília (BR-010), a Belém-São Luís (BR-316), com 903km, e a Transamazônica (BR-230), ainda incompleta em seus mais de cinco mil quilômetros.

Os principais pontos de atração no estado situam-se na cidade de Belém.

A beleza da capital, seus edifícios antigos, suas igrejas, o Teatro da Paz, o famoso Mercado Ver o Peso, o Bosque Municipal Rodrigues Alves, a Cidade Velha, o Mercado Público de São Brás,constituem atração para o turista.

A grande festa religiosa do Pará é o Círio de Nazaré que atrai multidões de fiéis e turistas.

O ritmo dançante mais famoso no Estado é o famoso carimbó.

A cultura indígena é a grande responsável pela presença de ervas medicinais, raízes milagrosas, amuletos, banhos-de-cheiro, olhos de boto, dentes de jacaré e animais empalhados nas feiras populares do Pará e encontradas principalmente no Mercado-Ver-O-Peso.


Informações turísticas sobre o Pará


O Pará é um dos Estados do Norte do Brasil, fazendo parte da Amazônia Legal. É em seu território  o rio Amazonas deságua no Oceano Atlântico. A rica natureza amazônica dotou o Pará de praias oceânicas e de água doce, áreas de floresta virgem, serras, lagos e a maior parte dos rios amazônicos.


Sua capital, Belém, é uma das cinco maiores regiões metropolitanas brasileiras e dispõe de completa infra-estrutura urbana. Abriga uma das maiores universidades do Brasil, e dispõe de um significativo conjunto de museus, espaços culturais eruditos e populares, amplamente utilizados pelos seus residentes, quase dois milhões de habitantes.


Com uma cultura de forte herança indígena, mesclada por levas de migrantes europeus, africanos e asiáticos, o Pará tem ritmos e paladares próprios: a generosa natureza amazônica fornece a matéria prima para uma gastronomia de toques exóticos, já presente em restaurantes internacionais; para instrumentos musicais, peças de decoração, e manifestações folclóricas exclusivas.

Os atrativos naturais estão em todas as regiões do Pará. Na capital, Belém, há espaços culturais e de entretenimento, com ênfase no patrimônio histórico. Belém é também porta para o turismo de negócios.


E no mês de outubro, Belém se transforma na capital do turismo religioso. É o "Natal" dos paraenses: o Círio de Nossa Senhora de Nazaré.


Já na Costa Atlântica, em especial na região de Salinópolis, o destaque é para as praias de oceano. Elas somam mais de 20 quilômetros de extensão.


No oeste do Estado, o turista encontra o  rio Tapajós, onde está a cidade de Santarém, conhecida como a "Pérola do Tapajós". Na região de Santarém existem praias fluviais exóticas onde pode-se apreciar o encontro entre as águas barrentas do rio Amazonas com as águas esverdeadas do Tapajós. Um espetáculo formado por rios que correm juntos por quilômetros, sem se misturar. Lá também está a praia mais famosa, Alter do Chão, conhecida como "Caribe Amazônico".


Para quem procura turismo ecológico, o rumo é o Marajó. Maior ilha flúvio-marítima do mundo, localizada na foz do Amazonas, possui inúmeras atrações. Da culinária aos cenários de pantanal com riqueza de flora e fauna, a ilha de Marajó é um lugar para lembrar que a natureza é mãe de todas as belezas.



 


 



» Conheça Também

Thumb2

Animais

Barbado

O Barbado, Piranambu ou Barba-chata (Pinirampus pirinampu) é encontrado em Bacias Amazônicas, Araguaia-Tocantins e do Prata (incluindo o Pantanal).

A espécie é comum ao longo da beira dos rios, na frente de......

Leia Mais

Thumb2

Cidades

Icoaraci

A história de Icoaraci confunde-se com a própria fundação de Belém. Quando os integrantes da expedição de Francisco Caldeira Castelo Branco, procurando um lugar adequado para fixar os fundamentos da cidade, desembarcaram numa ponta de terra......

Leia Mais