Turismo no Amazonas

Thumb

Amazonas é o maior Estado do Brasil . Por sua localização na Floresta Amazônica, detém a maior parte da biodivesidade do bioma, dentre os estados brasileiros. Possui rios amplos e caudalosos e em sua paisagem natural diversificada há lagos, igarapés e cachoeiras.

O Estado possui uma área de 1.57 milhões de quilômetros quadrados, possuindo nas águas de seus rios e na diversidade de paisagens naturais seus grandes atrativos ecoturísticos, sendo a floresta e seus atrativos sua maior atração turística. Para isso, conta com grandes empreendimentos hoteleiros no meio da floresta, os chamados ecolodges, ou hotéis de selva.


 O Amazonas tem como portão de entrada a capital , Manaus, uma cidade que cresce a cada dia e que já conta com quase 2 milhões de habitantes, possui moderna infraestrutura hoteleira, grandes shoppings centers, parques, praças, museus,teatros e cinemas, zoológicos, além de intensa programação cultural, ao longo de todo o ano, destacando-se os Festivais de Ópera em Abril, o Festival de Jazz, em julho, o Festival de Cinema, em novembro, dentre outros, todos realizados por meio da Secretaria de Cultura do Amazonas.

Veja o site do Festival Amazonas de Ópera em 2009:


Na capital, as operadoras de turismo fazem passeios de barcos pelas redondezas de Manaus, que possui em seu entorno inúmeras atrações turísticas que valem à pena ser conferidas. São passeios que duram o dia todo ou até mesmo dias, onde se pode participar de pescarias, visitar casas de artesanato,  comunidades indígenas,hotéis de selva, restaurantes flutuantes. Em tais passeios, a própria natureza é um espetáculo à parte.


O Amazonas possui ainda 14 municípios em seu pólo ecoturístico: Autazes, Barcelos, Careiro, Careiro da Várzea, Iranduba, Manacapuru, Novo Airão, Itacoatiara, Presidente Figueiredo, Rio Preto da Eva, Silves, Santa Isabel do Rio Negro e São Gabriel da Cachoeira. A maior parte desses municípios está concentrada nas margens dos três maiores rios da Amazônia: o Negro, o Solimões e o próprio Amazonas.


O polo amazonense tem também como marca uma grande concentração de unidades de conservação formando a maior área protegida do planeta (5,7 milhões de hectares), como o Parque Estadual do Rio Negro, a Reserva Ecológica Sauim-Castanheira, a Estação Ecológica das de Anavilhanas e o Parque Nacional do Jaú, transformado no Patrimônio Natural da Humanidade formando uma das maiores áreas protegidas de florestas tropicais do mundo.


Aproximadamente a 10 quilômetros de Manaus, ocorre um dos grandes espetáculos naturais da Amazônia: o Encontro das Águas escuras do rio Negro com as águas barrentas do Solimões, que fluem por cerca de sete quilômetros antes de se misturarem, onde a observação de aves e botos é um atrativo adicional.


Ainda próximo a Manaus, rio Negro acima, está o Arquipélago de Anavilhanas, um paraíso para biólogos e ecologistas, composto por cerca de 400 ilhas, centenas de lagos e igarapés, ricos em espécies animais e vegetais. É considerado um paraíso para conservacionistas.


O regime de cheia do rio condiciona a vida selvagem no arquipélago: durante as cheias, de novembro a abril a julho, apenas metade das ilhas ficam visíveis, se transformando em refúgios para a vida animal.


Quando as águas baixam, as ilhas submersas reaparecem e, com elas, volta à cena uma imensa variedade de animais, facilmente observáveis. Banhados pelo rio Negro, Novo Airão e Barcelos têm em comum parte de seu território ocupado pelo Parque Nacional do Jaú e a histórica ruína de Airão Velho resquício ruínas históricas dos primórdios da ocupação européia na região.


Seus inúmeros igarapés e lagos, que formam paisagens idílicas e singulares, e suas festas religiosas são atrativos extras.


Ainda em Barcelos, encontramos a maior cachoeira do Brasil na Serra do Aracá com 396 metros de salto e o maior arquipélago fluvial do mundo Mariuá, com 1.700 ilhas.


Também banhados pelo rio Negro, Santa Isabel do Rio Negro e São Gabriel da Cachoeira são os municípios mais distantes da capital, os quais abrangem em seus territórios e estão próximos ao Parque Nacional do Pico da Neblina, onde estão os dois pontos mais elevados do território brasileiro o próprio Pico da Neblina e o Pico 31 de Março.


Os municípios de Autazes, Careiro, Rio Preto da Eva e Presidente Figueiredo são os únicos do pólo que estão fora da influência direta dos três grandes rios amazonenses.


Situado as margens da rodovia BR 174 que liga Manaus à Boa Vista (RR), e distante dista 107 km da capital, Presidente Figueiredo tem como atrativos rios encachoeirados, cavernas e sítios arqueológicos.


Os demais municípios Silves, Manacapuru, Careiro da Várzea, Iranduba e Itacoatiara acolhem unidades de conservação em seus territórios, como lagos, rios e igarapés de grande beleza. Além dos atrativos naturais, o Amazonas exerce culturalmente, enorme fascínio e encanto em função das inúmeras lendas e mitos oriundos de seus habitantes indígenas.


Representa ainda a maior congregação da diversidade étnica do país e conseqüentemente a lingüística, perfazendo aproximadamente 300 etnias distintas, inclusive com grupos ainda sem contato com a civilização.


Aeroporto de Manaus


O Aeroporto Internacional de Manaus recebe diariamente uma média de 50 vôos, provenientes de várias capitais brasileiras e do exterior. O tempo de duração do vôo entre Brasília e Manaus é de aproximadamente 3 horas. A capital do Amazonas também possui voos diretos para São Paulo, Rio de Janeiro,Brasília,Campinas, Belém,Santarém, países da América Latina e América do Norte.


A capital recebe também barcos e navio vindos procedentes de cidades da região e navios de grande porte provenientes de diversos países.


Embora os municípios que integram o Pólo Ecoturístico do Amazonas sejam servidas por empresas aéreas regionais, o transporte fluvial é a modalidade predominante. As embarcações partem do Porto de Manaus com destino a todos os municípios amazonenses e paraenses.


No entanto, Manacapuru, Rio Preto da Eva, Presidente Figueiredo e Itacoatiara tem seu acesso facilitado por rodovias federal e estadual. podem ser alcançadas por estradas que partem de Manaus.


De Manaus também pode se chegar a Boa Vista, em Roraima, pela BR 174-Manaus Boa Vista, chegando até mesmo a Venezuela.


Informações turísticas:


Centros de Atendimento ao Turista - CATs


Os Centros de Atendimento ao Turista (CAT) e os Terminais Fluviais Turísticos (TFT) funcionam como postos de informações e serviços aos visitantes, com atendentes bilíngues que fornecem informações sobre voos nacionais e internacionais, empresas de transporte terrestre, agências de viagem, hotéis, restaurantes, casas noturnas e pontos turísticos, e informações gerais sobre a cidade.


 CAT ? Av. Eduardo Ribeiro - Manaus

Avenida Eduardo Ribeiro, 666 ? Centro
Fone:+55(92) 3182-6250 Fax: 3182-6251
Horário de Funcionamento:8 às 17h segunda a sexta e sábado: 8 às 12h


CAT ? Aeroporto Internacional Brigadeiro Eduardo Gomes - Manaus

AvenidaSantos Dumont, s/n ? Flores
Fone:+55(92) 3182-9850 Fax: +55 (92) 3182-9860
Horário de Funcionamento:24 horas
 
CAT ? Amazonas Shopping-Manaus

AvenidaDjalma Batista, 482 ? Chapada
Horário de Funcionamento:9 às 22h segunda a sábado / domingo e feriados: 15 às 21h
 
CAT ? PAC PORTO (Área Regional)-Manaus

Rua Marquês de Santa Cruz, s/n ? Centro
Fone:+55(92) 3182-7950
Horário de Funcionamento:8 às 17h de segunda a sexta
 
CAT ? Parintins - Amazonas

Avenida Jonathas Pedrosa, 2471 ? Centro
Fone:+55(92) 3533-4400
Horário de Funcionamento: 8 às 12h e 14 às 16h segunda a sexta
 
CAT ? Manacapuru - Amazonas

Rodovia Manuel Urbano, s/n, km 84, próximo à entrada da cidade
Fone: +55(92) 9627-4817


CAT ? Barcelos - Amazonas

Av. Ajuricaba, s/n ? Centro
Fone: +55(97) 3211-1101
 
CAT ? Presidente Figueiredo - Amazonas

BR-174, km 107, s/n ? Centro (atrás da Igreja Municipal)
Fone: +55(92) 3324-1308
 
CAT ? Iranduba - Amazonas

Rodovia Manoel Urbano (AM-080), km 2 ? Distrito de Cacau Pirêra
 
CAT ? Novo Airão - Amazonas

Av. Ajuricaba s/n (próximo à Delegacia do município)
Fone: +55(92) 3365-1391 (prefeitura


Atrativos turísticos em Manaus


Festival Amazonas de Ópera


A partir da segunda quinzena de abril, a capital amazonense se transforma na capital da música erudita. Nos mais de vinte espetáculos, milhares de pessoas contemplam apresentações em espaços abertos e fechados, com artistas renomados do cenário internacional, nacional e local.

Amazonas Film Festival


Festival internacional que destaca filmes de aventura em todas as suas manifestações, enfatizando temas da natureza e meio ambiente. Realizado pela Secretaria de Cultura no mês de novembro.


Boi Manaus


A festa, realizada no final do mês de outubro, comemora o aniversário da cidade de Manaus, levando em três dias consecutivos milhares de brincantes ao Centro Cultural de Manaus Umberto Calderaro (Sambódromo), para dançar o boi-bumbá.

Feira Internacional da Amazônia


  Promovida anualmente pela Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa), a Feira Internacional da Amazônia (Fiam) tem como objetivo promover estratégias na exportação de produtos e captar investidores estrangeiros.

Para visitar:

Encontro das Águas


Fenômeno natural provocado pela confluência das águas escuras do rio Negro com as águas pardas do rio Solimões, que se juntam para formar o rio Amazonas. Por uma extensão de 6 km, as águas dos dois rios correm lado a lado sem se misturarem. Todas as agências de viagens possuem barcos que fazem o passeio turístico.

Praia da Ponta Negra


Localizada a 13 km do centro de Manaus, sua orla totalmente urbanizada possui quadras esportivas de areia, ciclovia, mirante, playground, posto médico e um amplo calçadão com bares, restaurantes e lanchonetes. Fica localizada próxima ao Hotel Tropical, o maior hotel horizontal do Brasil.

Teatro Amazonas

 Construído em plena floresta amazônica, na época do ciclo da borracha, ele é a principal referência da cultura do Amazonas. 
Saiba mais sobre o Teatro Amazonas, clique aqui

Centro Cultural Povos da Amazônia

Localizado na ?Bola da Suframa?, trata-se de um espaço de pesquisa, educação e entretenimento dedicado à Amazônia e seus habitantes.

Palácio Provincial










Localizado na praça da Polícia, abriga vários museus e a pinacoteca do Estado. Saiba mais sobre o Palácio Provincial, clique aqui

Centro Cultural Palácio Rio Negro


Por muitos anos foi sede do Governo Estadual. Atualmente é palco de exposições, shows musicais e teatro.
 
Centro de Artes Usina Chaminé


No passado foi uma importante estação de tratamento de esgotos, hoje representa um belo espaço para apresentações artísticas.

Centro de Artesanato Branco e Silva


Qualquer produto tipicamente regional poderá ser encontrado neste local, onde há grande variedade de produtos artesanais.

Jardim Botânico Adolpho Ducke


É o maior jardim botânico do mundo, com uma grande riqueza de flora e fauna.

Parque do Mindu


 É um dos últimos refúgios do sauim-de-coleira, macaco que só existe na região de Manaus e que está ameaçado de extinção. Possui trilhas para passeio, lanchonete e extensa área de lazer.


Parque Ponte dos Bilhares

 Possui quiosques de cozinha regional, equipamentos para ginástica, bicicletário, praça de skate, pista para caminhada e de ciclismo, lago artificial, chafariz e playground. 


Bosque da Ciência do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa)

Possui viveiro de ariranhas e jacarés, tanques de peixe-boi, Casa da Ciência, trilhas educativas, orquidário e bromeliário.


Zoológico do Centro de Instrução de Guerra na Selva (Cigs)


Aberto à visitação pública, é administrado pelo Exército Brasileiro e possui cerca de 300 espécies de animais da fauna amazônica, destacando-se os macacos, onças, ariranhas, cobras, jacarés, araras, antas e jabutis. A maioria desses animais que é capturada pelos Institutos Ambientais passa a ser tratado no CIGS e alguns deles são devolvidos ao seu habitat natural


Mercado Municipal Adolpho Lisboa


Inspirado no Mercado de Les Halles de Paris, foi o segundo mercado construído no Brasil, inaugurado em 1882. Em estilo Art Noveau, sua estrutura é em ferro fundido e vidros coloridos. Popularmente conhecido como mercadão, é a principal porta de entrada da produção pesqueira e rural do Estado.


Igreja de São Sebastião


Construída em 1888, faz parte do complexo arquitetônico do Largo de São Sebastião e do Teatro Amazonas.


Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição


Construída em 1695, foi a primeira igreja construída em Manaus


Porto Flutuante de Manaus


Projetado e construído pelos ingleses, é uma interessante obra de engenharia, oscilando com a subida e descida das águas do rio Negro.


Praia do Tupé


Localizada a 34 km de Manaus, a praia é bastante procurada por banhistas nos feriados e finais de semana. O acesso é feito exclusivamente por via fluvial.


Praia da Lua


Localizada a 23 km de Manaus, a praia tem o formato de uma lua em quarto crescente e possui vegetação de rara beleza natural.
 


 


 


 




 



» Conheça Também

Thumb2

Cidades

Manacapuru, município do Amazonas

Manacapuru , município do Amazonas, é a terceira cidade em população do Estado, com quase 100 mil habitantes. Esta antiga aldeia indígena está localizada na margem esquerda do rio Solimões e tem na pesca um de seus meios de......

Leia Mais

Thumb2

Cultura

Boi Corre Campo

A Associação Folclórica Cultural Boi Bumbá Boi Corre Campo surgiu em 01 de maio de 1942, no bairro da Cachoeirinha. Os responsáveis foram os jovens Astrogildo Pereira dos Santos, Miro Santos, Antônio Altino da Silva, Dionízio Gomes, Mauro Cruz......

Leia Mais